sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Histórias de amor duram apenas 90 minutos...

- Um ótimo filme, recomendo.


A sua vida é quase fio quebrado
Esticado até o máximo.
Por um triz,
Sempre em um singelo filamento

Buscando esperança em cada suspiro,
Desamoroso e lascinante,
Como uma nuvem fria e chuvosa,
Em todo novo romance de tão precipitado

Parece mais uma tempestade.
Um terremoto no fundo de um oceano
Tremendo o mundo por dentro de si
Fazendo da solidão uma tsunami.

A quietude de um amanhecer
Sustenido por olhos profundos
De clausura a sempre quase alquebrar.

Ouve Rachmaninoff e quase morre
Com o romantismo de Gustav Mahler,
Assovia ao compasso de Saint
E fecha os olhos, pois a vista rutila por Wagner.

Os acordes improváveis
Montam os tons impossíveis
E o mundo é um plano de fundo
Para tanta sublimação.

Quer mais sentir-se frio e esticado
Estando por um triz,
Como um singelo filamento sem forças
Forçando-se para ser quebrado.

E quem diria do teu afunilado anseio
Dos teus romances opacos
Vazio de qualquer sobriedade,
Morgando, finalmente, de wisky e cigarro...

Um comentário:

arcanjo.crowley disse...

Di giorgio e suas giorgicies...transcendendo o universo subjetivo