segunda-feira, 3 de maio de 2010

The Heart Thief

Por: Felipe Mentianca

Retirei esta poesia do Blog: Estupido Pensar

Das dores lancinantes que percorrem a alma
Me lembrei durante esses dias que passaram
Sentia a dor fria que irrompia em minha mente
E o calor de minha alma se esvaindo livremente
Tentei agarrar com minhas forças o que restava de sentimentos
E senti que o vazio completava o vácuo criado em mim
Apontei para o ladrão que carregava meus sentimentos
E exigi em uma suplica escancarada
Que devolvesse aquilo que ele levava
Pois tais maldições não se devem ser espalhadas
Mas sim contidas na escuridão de cada ser
Ele riu de mim com seus dentes dourados
E o escárnio de suas palavras foram um alivio para meus ouvidos
Me informava então que o que me roubava
Não mais importava ao meu coração
Que tais sentimentos direcionados
Nunca mais voltariam a ser encontrados
Que a maldição que morava em minha alma
Era apenas mais uma das tantas outras que ele já havia levado
Dos sentimentos perdidos e mal gastos
Não sentiria falta jamais
E revelou que seu nome era tempo
E que levava de mim
O bom e o ruim
De mais um amor que enfim
Encontrei e não vivi.

===//=============//=============//==========

Ladrão de sentimentos, leve tudo, deixe nada, leiloo o meu espírito em troca de silêncio emocional.

Um comentário:

felipe mentiaca disse...

legal saber que tem alguem que curte o que escrevo hayden, vlw mesmo pela citação... vou colocar seu blog na minha lista de links lá no meu blog se vc não se importar.
abraço